Na Bahia criança terá nome de três mães na certidão de nascimento

Uma criança de apenas três anos passou a ter três mães em Vitória da Conquista, no sudoeste baiano. E a ideia não ficou apenas no convívio do dia a dia, a partir de agora ela já é reconhecida pela Justiça. É a chamada multiparentalidade.
A multiparentalidade neste caso é a possibilidade de ter mais de uma mãe com o intuito de preservar os vínculos familiares. Já existiram casos de crianças com até dois pais ou duas mães, mas com três mães é inédito.
O caso de Vitória da Conquista envolve a mãe biológica da criança e um casal homoafetivo. Todos mantêm o convívio familiar, mas preferem não se identificar para preservar a criança
O advogado que cuidou do caso contou que em um primeiro momento a mãe desistiu dos cuidados da criança e entregou para as adotantes, com o desejo de que elas cuidassem e assumissem a função materna. Depois de já terem assumido a guarda da criança, elas entenderam que precisavam legitimar juridicamente
A mãe biológica foi acompanhada pela Defensoria Pública do Estado. A escolha pela multiparentalidade foi resultado de um acordo entre as três mães e já foi aprovado pelo juiz responsável.
Fonte

0 comentários:

Postar um comentário